Pesquisador

“A ciência se compõe de erros que, por sua vez, são os passos até a verdade”
Julio Verne

A minha descoberta da pesquisa científica aconteceu no Brasil mas floresceu no Canadá
Atualmente, sou estudente de doutorado na Escola de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da Universidade McGill, escola de pós-graduação mundialmente reconhecida no campo da reabilitação. Além disso, eu sou o presidente da Graduate Rehabilitation Science Society. Ao longo dos meus estudos, adotei habilidades em escrita acadêmica inglesa, estatística, projeto de pesquisa, metodologia e proposta de pesquisa, programação, controle motor, medidas de resultado em reabilitação, apresentações orais e escritas, ensino e aprendizagem no ensino superior devido ao trabalho do curso. Eu também estava envolvido em oportunidades de Assistência de Ensino de Neurologia e Ortopedia. Hoje em dia, escrevo um artigo de revisão sobre as medidas de resultado da coordenação (juntamente com meu colega Yosuke Tomita) e minha proposta de doutorado para preparar o aplicativo de ética. Passo a maior parte do meu tempo no Laboratório de Controle e Reabilitação Sensorimotor, localizado no Centro de Pesquisa de Feil e Oberfeld do Centro de Pesquisa Interdisciplinar em Reabilitação (CRIR) no Hospital de Reabilitação Judaica, em Laval, sob a supervisão do Prof. Mindy Levin, PT , PhD.

No que diz respeito ao meu projeto de doutorado, ele é composto por três componentes: 1. Identificação de déficits na coordenação do membro superior em indivíduos com acidente vascular cerebral para movimentos realizados com e sem visão e feedback tátil, 2. Uso de técnicas de estimulação cerebral não-invasiva, por exemplo, Transcraniana Estimulação Magnética (TMS) como forma de investigar a integridade do sistema nervoso central em pacientes com AVC, avaliando o nível de gravidade do membro superior e a relação com o prognóstico de recuperação. 3. Porção de tradução do conhecimento, que identificará como os clínicos definem, avaliam e tratam déficits na coordenação motora em pacientes com AVC. Isso ajudará a traduzir esse conhecimento sobre a coordenação para a prática clínica, melhorando o atendimento ao paciente.

Sou um residente permanente do Quebec. Cheguei a Montreal em 2011 e agora moro aqui com a esposa Ana Tereza Castro e as duas crianças, Maite e Lucas. Tenho sido fisioterapeuta desde 2003 no Brasil, onde também me especializei em reabilitação neurológica, musculoesquelética e geriátrica. A partir de 2015, tornei-me um fisioterapeuta no Quebec após um longo e desafiador processo. Embora muitas oportunidades profissionais tenham sido oferecidas para mim, eu escolhi continuar meus estudos acadêmicos. Eu acreditei e compartilhei com meus colegas e familiares que minha persistência foi devido a um futuro melhor futuro e isso é o que representa para mim essa irmandade: o reconhecimento da minha dedicação e a oportunidade de crescer como pesquisador e profissional, contribuindo com evidências tanto para a prática como para a pesquisa em ciências de reabilitação.

Atenciosamente,

Marcos Rodrigues, PT, MSc
Candidato ao Doutorado em Ciências da Reabilitação
Escola de Fisioterapia e Terapia Ocupacional – Universidade McGill
Montreal (Quebec) Canadá

 

Marcos Rodrigues, PT, MSc Doctoral Fellow of the Richard and Edith Strauss Foundation

rodrigues-mrm-o-que-eu-fao-hoje-mar-4-2018

Áreas de pesquisa

AVC (Acidente Vascular Cerebral)

Controle Motor

Coordenação Motor

Esquema Corporal

.

Plataformas Acadêmicas